Artigo: Whindersson Nunes, o nordestino mais amazonense que conheci

 

Fotografias: Alcides Neto

Por Islânia Lima 

E tudo que é feito com amor sempre renderá bons frutos. A frase épica e muito bem conhecida, retrata tudo o que aconteceu no último show de sábado, onde fui convidada pela MB Eventos, para assistir um dos maiores públicos do humorista e digital influencer Whindersson Nunes, na Arena da Amazônia. 

Com mais de 55 milhões de seguidores na plataforma Instagram, o piauiense tem um amor e gratidão a mais por Manaus, que segundo ele, foi uma das primeiras regiões que acreditou no potencial dele lá em 2003, quando ele iniciava no mundo dos palcos, com seu humor jovial. De lá para cá foram inúmeros shows. Os fãs amazonenses? Só aumentaram.  Mais precisamente em números, com um recorde de público sábado, com 30 mil pessoas. Todos vacinados e usando máscaras de proteção, com a respectiva supervisão das equipes de vigilância de saúde do Governo do Estado. Isso foi genial!


 Mas vamos a mais detalhes e bastidores desse show massa! A festa do Whin para o povo amazonense contou com assentos em  arquibancada, cadeiras premiuns e camarotes, todos lotados.  A abertura dos portões foi marcada para às 17h e teve filas quilométricas. Bebidas, comidas e guarda-chuvas foram proibidos, para evitar acidentes. Muitas pessoas levaram quilos de alimentos não perecíveis. Whin chegou bem cedo na Arena, por volta de 15hs e ficou no camarim dele com amigos, enquanto a equipe técnica dele ficou verificando o som, os ajustes finais, para a grande noite. 

Às 19h ainda chovia e muitas pessoas conseguiram capas de chuva, já outras seguraram o frio, por amor ao momento que estavam vivendo. Justo nesse dia São Pedro? bem, com um repertório totalmente voltado às músicas do humorista no personagem Lhi Whin, o público foi chegando mesmo assim. Seguranças e equipe particular do Whin receberam presentes da plateia super carinhosa e atendiam para fotos. O amigo de 10 anos do piauiense, Robson Sousa  abriu o pré show e contou piadas até lembrando do tal "Vitão" - eu não sabia se ria ou lamentava  sobre as histórias citando o nobre rapaz rs. E por fim, um imenso cordão humano foi feito, para que a grande estrela da noite surgisse no meio da plateia com a  luz própria dele, todoooooo malhado, todoooo estilo esportivo levando a galera ao delírio! O baixinho de Piauí sabe emocionar multidões, como MIDAS que ele é!


No repertório de piadas, Whin contou muitas histórias de viagens, dos cachorros que cria Regina e Amora. Nem os amigos próximos e funcionários escaparam das brincadeiras. Até a cidade de Manacapuru foi citada, causando gargalhadas e aplausos no público presente. 

Em dois momentos épicos, Whinderson teve o palco invadido por um fã, que estava digamos um pouco alegre demais, com álcool nas veias. Atencioso, Whin brincou e fez uma selfie com o amazonense e foi novamente aplaudido pelo público manauara, pela bela atitude. 

Em outra oportunidade, o nordestino tocou batidas com a boca e fez uma espécie de mixagem, que agradou a todos e fez o público se agitar. Whin é um artista completo no que faz e ele sabe fazer bem pelo público que o prestigia. 


Em 1h30 de show, o povo amazonense recebeu toda gratidão, que o piauense tem por esta terra. Ao final, ele agradeceu e ainda enfatizou o que nós já temos por ele "farrétempoooo": "Manaus, tamo junto hoje e sempre",disse ele - E nós, amazonenses da gema só conseguimos dizer a ele, volte sempre também queridão para receber do nosso povo todo amor, pois tu mereces, nordestino mais "amazonense" que eu já conheci! Parabéns MB EVENTOS! Parabéns povo aguerrido do norte e que só quer ser feliz dando gargalhadas por aí!

Veja quem mais marcou presença no evento!

Videomaker do Whinderson Nunes

Show ainda tinha 4 telões, para que todos pudessem ver o nordestino de pertinho
Presença de celebridades - como o Raylan Marques - dançarino amazonense. 
Show pirotécnico do início ao fim.


Eu e minha mãezinha, claro que ela é celebridade hahaha Tia da Trufa

Dj May Serven super elegante com um casaco que olha kkk eu até paquerei e quis! 
Foi sensacional!

Islânia Lima é jornalista profissional - editora chefa do portal /Repórter Cabocla - Filha de Coari.

Siga nossas redes sociais: Instagram @islania.jornalista Facebook: Repórter Cabocla



Postar um comentário

0 Comentários