Comediante Emerson Ceará agita noite e arranca sorrisos e aplausos de platéia amazonense



 Com casa cheia e respeitando todos os protocolos de da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS), o Teatro Manauara recebeu neste sábado (05/12), o humorista Emerson Ceará com o show intitulado "Sem Freio".

Idealizado pela "MB EVENTOS" em três sessões, o humorista agitou o povo amazonense com piadas de criação própria com temas como Covid-19, relacionamentos e cotidiano. Além disso, ele interagiu com a platéia e inprovisou piadas com o próprio público, que retribuiu com muitos sorrisos e aplausos.  

O humorista ainda improvisou algumas piadas fora do roteiro, que de acordo com ele, o público o deixou agitado. "Quero agradecer a todos que vieram ao meu show. Ano passado estive na cidade e também fui recebido. Obrigado, Manaus", elogiou e agradeceu.

A jornalista Islânia Lima, que é fã do humorista há 3 anos se emocionou com a apresentação e destacou que o show superou as espectativas dela. "Em 2019 eu perdi o show, pois tive um convite irrecusável para ir. Fiquei triste depois, mas este ano desde que soube da vinda dele, fiquei em estado de choque. Ele é além do que tudo que imaginava, pra mim já consagrado o melhor humorista do Brasil", declarou. 


A CARREIRA

Saindo de Olinda, no Ceará, o comediante foi convidado por um amigo para trabalhar em Londrina, logo no início da vida e começou a dividir uma casa e trabalhar com vendas. 

Passando alguns meses o empregador levou ele para a cidade de Londrina, onde trabalhou como servente, pedreiro, pintor até que em 2010, Emerson começou a trabalhar como garçom na casa "Comedy Club", sem entender nada de Stand Up Comedy. 

Assistindo grandes artistas do humor, como Tiririca, Professor Raimundo, o humorista criou sua própria identidade e abriu o Open Mic. Ele se apresentava ao final dos show no bar ate que em 2011, veio a grande surpresa quando casas abriram e precisavam de comediantes e começou a se apresentar fora da atual casa de comédia e posteriormente Brasil a fora.



Postar um comentário

0 Comentários